baldwin software brasil


21/01/2011


DjVu: ótimo substituto ao formato não livre de PDF, mas...

djview4 - visualizador de DjVuNa lista do projeto LibreOffice, a gente estava discutindo uma alternativa ao PDF (portable document format) de Adobe, para encaminhar documentos e preservar a formatação, pois, alguem mencionou o DjVu, o que eu nunca tinha visto.

Pois, eu pesquisei um pouquinho, fez um "apt-cache search djvu", e acabei instalando o djvulibre. Brinquei um pouco com ele, criei algum documentos com ele, e, fiquei pensando que, sim, seria um ótimo substituto ao pdf.

So que tem um desvantagem muito evidente: a falha de ferramentas para produzir esses arquivos e/ou converter arquivos existentes sem ter que usar um arquivo proprietário!  Por exemplo, não se pode escrever um documento DjVu em nenhum editor de textos, nem converter arquivos LaTeX, .ODF, ou outros formatos livres, sem ter que converter-os, primeiramente, ao PDF.

Qualquer navegador livre, todos os editors de textos e documentos (abiword, openoffice, libreoffice, etc.) podem imprimir ou exportar um arquivo pdf, desde um arquivo .doc, .html, .odt, de .txt, e mais.  Ate o Scribus, chamado o programa de publicação de Linux, pode criar .pdf, mas nenhum desse programas pode criar .djvu.  Eu atei incluí a possibilidade de criar arquivos PDF no meu editor, TclText, de um arquivo .txt o com .tex (LaTeX), pois, na epoca eu não sabía nada desse DjVu. O EMACS, o editor livre dos maestros do mundo de software livre, mesmo, pode cirar um arquivo pdf, mas, não tem como criar um djvu. Mas, tudo isso eu acho uma lastima enorme.

Eu sinceramente acredito que a gente deve dispor de um formato livre, que preserve a formatação, tipo PDF.

Pois, eu criei um script para converter um arquivo .txt ao .djvu, ainda que, infelizmente, tem que passar por pdf no caminho.  O script foi criado um sistema Debian/Lenny, com ferramentas disponíveis nos repos de Debian, incluso enscript, pstopdf, e pdf2djvu (incluído no djvulibre).

O script seque:

#!/bin/bash

if [[ $(echo $*) ]]; then
text="$*"
else
echo "try again, and include a file name, and ONLY 1 file name at a time. Thank you." && exit
fi

echo converting $text to $text.ps

enscript $text -q -B -p $text.ps

echo converting $text.ps to $text.pdf

ps2pdf $text.ps

echo converting $text.pdf to $text.djvu

pdf2djvu $text.pdf -o $text.djvu

echo renaming ...

rename.ul .txt.djvu .djvu $text.djvu

echo cleaning up ...

rm $text.ps $text.pdf

echo done

exit

Pois, se você tiver arquivos escritos em português, e bem provável que terá que converter o encoding do seu texto antes alguns componentes desse script funcionar corretamente.  Eu tive que converter meus textos de utf8 ao ascii para conseguir converter o texto ao djvu.  Essa conversão pode ser feito assim:

iconv iconv -f utf8 --to-code=ascii//TRANSLIT yourfile > newfile

Aqui tem um arquivo .djvu desse artigo em inglês (meu idioma nativo).

Se tiver o plugin de djvulibre, pode olhar o arquivo em Firefox, o com o visualizador de djvu Djview4 o com o Evince.

Cabe notar que o DjVu foi criado originalmente como um formato paa tratar com livros, documentos e imagens escaneados, mas, ja é óbvio que serve bem como um veículo pela preservação de formatação e portabilidade de documentos.  Pois, alguém que sabe MUITO melhor do que eu de hacking e esse formato de DjVu devería construir-nos um editor de DjVu, eu acho. O pelo menos, algum software que pode converter ou LaTeX ou ODT (ou ambos) ao DjVu sem ter que passar por pdf.  Então, a gente terá uma alternativa viável do formato ubíquo  de pdf, sem ter que usar o mesmo pdf, um formato não-livre, como veículo ou ponte na criação de documentos.

Escrito por tonybaldwin às 13h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

27/03/2010


Manual de Anaphraseus disponível em PT-BR

.Anaphraseus CAT software

 

O Manual para Anaphraseus agora é disponível em português brasileiro. O Anaphraseus é um programa CAT (computer aided translation / tradução assistido por comp), que funciona como um macro no OpenOffice (ou BrOffice).

O novo manual em português brasileiro e: nessa página

 

Escrito por tonybaldwin às 02h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

26/03/2010


Novos programas de BaldwinSoftware.com essa semana

tweety.py

Oi, Colegas,

 

Essa semana fiquei ocupado com um pouquinho de hackiando (enquanto  deveria ter ficado me preocupando com a tradução de algums artigos...Opa! é um vicio, haquiar...juro).

Primeiro, eu fiz Tweety.Py, um programinho em python/tkinter que envia atualizações ao twitter.com ou identi.ca.  É bem simples.

E, ontem, eu peguei o código de TKLJ (tcl livejournal client) e Therapy (tcl insanejournal client), e os ajuntei, adicionando DreamWidth como outro serviço de blogging com que pode funcionar, pois, sendo que esse programa novo pode x-post aos 3 serviços, o chamo de eXp0stulate.

Aqui tem imagens:

eXp0stulate

Escrito por tonybaldwin às 09h03
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

19/03/2010


Haquiando churrascos...

Hoje eu comecei a criar uma ferramenta para submeter projetos ao Freshmeat.net

Se chama PyGrill, pode ver aqui: PyGrill, Throw some FreshMeat on the Grill

PyGrill: Throw some FreshMeat on the Grill

Escrito por tonybaldwin às 18h24
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

16/03/2010


Novo disco da bela Julieta Venegas!

Julieta Venegas - Otra Cosa

 

¡JULIETA, TE QUIERO MUCHO!

Novo disco da bela cantora méxicana, Julieta Venegas, Otra Cosa foi lançado hoje!  Tal vez você conhece a Julieta pelas músicas que ela fez junto com a Marisa Monte. (como nesse video:  Ilusão)

YEAH!!

Estou escutando o disco agora, e, É ÓTIMO!!!

Tal vez depois vou escrever uma revista mais completa...

¿Ya dije? ¡JULIETA, TE QUIERO MUCHO!

(Mis amigos de radiognu.org ja sabem que Julieta será mi futura esposa...pena que Julietia todavía no sabe...)

Escrito por tonybaldwin às 13h53
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

ladrilhos na parede....

Sim.  Em facto, PRECISO ESCUTAR PINK FLOYD AO VOLUME MÁXIMO ÀS 6 DA MANHA....

heheheh (os vizinhos me adoram...estou com certeza...)

wmii, mocp, roxterm, debian, lenny, linda bundinha

Escrito por tonybaldwin às 07h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

um pouquinho de informações sobre mim

Vocês nem vão me acreditar, mas, quero que saibam: eu nunca estive em Brasil.

É a verdade...

Eu sei, primeiro é difícil acreditar que um homem tão lindo não é brasileiro, mas eu nasci aqui em Connecticut, EUA, aonde ainda moro.

Eu ja viagei por todo lado dos EUA, mas somente fui fora do meu pais uma vez, quando estive com 11 anos e fui ao México, por um dia, só.

Eu tenho familiares de México, e de Puerto Rico, pois, eu fui criado falando ambos, inglês e espanhol.  No segundo grãu e na faculdade, eu estudei o francês.  Bom, mas, como é que eu falo português?

Eu estava casado com uma brasileira por 5 anos.   (Nem se preocupam, minhas amigas lindas brasileiras: agora estou solteiro de novo...mas não da esperar muito, porque com certeza alguma dama vai me pegar logo, sem duvida...)

Respeito programação, bem, eu nunca estudei nada de computadores, mas, quando eu era professor nas escolas públicas (eu ensinava inglês e espanhol), como é o caso tão freqüentemente, nem tive dois centavos...Na epoca que saiu o WinXP, as condições que tive nem davam pra comprar atualização do Win98 ruim que tive na minha maquina, e comecei a buscar alternatives.  Foi então que fiquei sabendo do gnu/linux, e logo troquei o sistema no meu comp, e desde então, nem pensei em voltar ao ruindows...nenhuma vez.  (Porque pagar por software ruim, quando software livre é melhor e gratis?  Não faz sentido...)

Eu continuei trabalhando como professor por alguns anos, mas deixei a profissão com 35 anos, e logo depois me casei com a brasileira referida pra cima.  Logo comecei a aprender o português, e pensei, "poxa...falo 4 idiomas agora...deve ter algo que posso fazer com isso, ne..." e comecei a trabalhar como tradutor.  Como teve poucos tradutores trabalhando com software livre e gnu/linux, logo fiquei aliado com a comunidade pequena que sim, existe, e comecei a buscar como contribuir algo, e, em serio, foi somente em 2007 que comecei a aprender um pouquinho sobre programação de software livre (ainda que ja estava usando o gnu/linux por 7 anos).

Agora, sigo trabalhando como tradutor, e continuo aprendendo sobre programação, e desse jeito que me encontro agora na sua frente, buscando contribuir à comunidade internacional de software livre, e, especialmente, a comunidade de tradutores profissionais e usuários de software livre.

O TransProCalc foi nascido do meu desejo ter uma ferramenta para ajudar-me a automatizar algumas partes do processo de gerenciamento de projetos de tradução quando comecei a encaminhar trabalho ao meus colegas em Brasil, Argentina, e outros lugares. 

Também, comecei a pensar que seria bom dividir o bom que é software livre e gnu/linux com meus colegas, pois, em 2007 eu construí o Linguas OS - gnu.linux para tradutores.

Bom, acho isso bastante por hoje...a cama tá me chamando.

boa noite!

./tony

Escrito por tonybaldwin às 02h21
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

baldwin software em brasil

Bom, vamos falar das minhas atividades em Brasil.

Estou usando o bol mail, faz alguns dias, e preciso dizer, ele funciona muito bem.  Eu gosto o desenho (css, layout, etc.) do site, e, mais que tudo, o mail funciona rapidamente (mais rapido do mail de yahoo!, hotmail, e outro proveedores...até gmail).  É um bom produto/aplicativo.  O site de bol/uol tem muita coisa de que eu gosto.  Antes, eu estava escutando Pato Fu no radio UOL.  Boas músicas!

 


 

Fora disso, queria informar-lhes que hoje comecei a construir um mirror (espelho) do meu site baldwinsoftware.com, mas em Brasil.  Ao momento estou usando somente o free-site de vilabol, mas, acho que construí uma página linda, e funcional.  Logo vou começar a fazer páginas espelhos de outras partes do meu site principal (o que é em inglês, surprise!).  Respeito or foruns e wiki, vou continuar a utilizar o que ja tenho no meu site principal (ja vez espaço no forum para uma seção de português aqui e vou fazer páginas no wiki em português).

Eu também comecei a participar no softwarelivre.org, tendo esse perfil:  tonybaldwin em softwarelivre.org

Espero que logo vou ter amig@s brasileir@s colaborando comigo na programação do meus projetos.

transprocalc
TransProCalc

Mais que tudo, agora estou esperando encontrar pessoas interessadas em trabalhar junto comigo no desenvolvimento do TransProCalc, um programa de gerencia de projetos de tradução, escrito em Tcl/Tk.

 


 

Também, vou tentar de começar a traduzir alguns dos meus artigos do meu blog em inglês e postar-os aqui, tal vez, e, juro, vou deixar de torturar-lhes com poesias mal-feitas em português...juro.

./tony

Escrito por tonybaldwin às 01h26
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

13/03/2010


amor nos quemará

ainda que el sol brilha nessa verão sem fim
e as noites nem se esfriam, deixando meu corpo
ferver numa piscina de soar na cama
onde posso ouvir você respirar
e ver seu corpo quente ao meu lado
como um fogo de desejos cursando as minhas veias
me sinto frio e nua
sem abrigo contra o vento sem miseracordia
e minha alma chora no silêncio da noite
chora de saudades, um dor inaguentável
por seus lábios
meu único remedio…

(poesia minha)

./tony

Escrito por tonybaldwin às 19h20
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

meu perfil de uol.



Estados Unidos, Connecticut, New Haven, Annex,Homem, de 36 a 45 anos, English, Portuguese, Informática e Internet, Música, artes, patinhar, linux,MSN - tonytradutor@hotmail.com

Agora eu tengo um perfil no UOL, e estou bem orgulhoso disso. Acho que não tem muitos americanos que tem isso... Com certeza, dever ter alguns, mas, poucos. beijos e queijo desde EUA,

./tony

Escrito por tonybaldwin às 18h59
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

primeiro post nesse blogue

Oi,tony baldwin

Eu sou tony baldwin

Eu trabalho como tradutor e interprete de português, espanhol e francês ao inglês.

Também sou artisto, poeta, músico e fotógrafo.

Também gosto de haquiar software livre.

Eu mantenho um blogue primeiramente em inglês ao http://baldwinsoftware.com/blog/ sobre traduções, software livre, e outras coisas pertinentes ao meu trabalho.

Não sei se vou escrever muito nesse blog de bol/uol, mas é possível, talvez, que vou traduzir o que escrevo no outro para postar aqui.  A verdade é, como provávelmente ja pode ver, que não escrevo bem o português.  Posso ler-o sem problema, sendo que trabalho em traduções e traduzo documentos desde português ao inglês quase todos os dias.  Também posso falar e entender, e ate trabalho como interprete de português nos foruns aqui aonde moro em estados unidos.

Bom, ja é bastante, agora...tal vez eu voltarei logo para escrever algo mais...

beijos e quejo

tony

Escrito por tonybaldwin às 18h05
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]



Perfil

Meu perfil
Estados Unidos, Connecticut, New Haven, Annex, Homem, de 36 a 45 anos, English, Portuguese, Informática e Internet, Arte e cultura

Histórico


baldwinlinguas.com | traduções: es, fr, in, pt
baldwinlinguas.com | traduções: es, fr, in, pt